Entrevista com Pri Rutes!

16 novembro 2012

Mais um dia de entrevista por aqui

Hoje conheceremos um pouco sobre a Pri Rutes!



Eu sou a Pri, sou casada com o dri, formada em Sistemas, trabalho no ramo fotografico e design.Tenho dois cachorros o Sansão e o Bettoween, um irmãozinho pequeno que é uma das minhas alegriase uma irmãzona que se n falar dela ela fica com ciumes kkkkkkkkkk.

Como surgiu o scrap na sua vida? 
Surgiu acho q em 2009, pelo google ai fiquei toda encantada, comecei pelo scrapbook digital, fiz parte de muitos cts, fiz parte do DS4All onde passavamos algumas das nossas experiencias, pra quem estava começando. Nessa epoca eu entrei pro ct do Armazém \o/, passei por muitos estilos tentando achar qual era o meu, mas hoje eu tenho a confirmação o meu estilo são todos, porque qualquer tipo eu consigo trabalhar, se for pra ser clean eu consigo, freestyle, o meu jeito é fechar deixar sentir e ver no que sai.
No híbrido eu fiquei apaixonada quando via as ideias do que as meninas faziam, porque de alguma forma o pessoal que faz digi já faz híbrido, porque vira e mexe, fazemos convites, muita coisa pra festas, pra dar aquela lembrancinha, fotolivros, mas sem aquele tcham, e eu resolvi me arriscar, hoje eu faço muita coisa híbrida sim, mas confesso que ainda tenho um medo, sempre acho que não vai ficar legal, mas ai quando finalizo o projeto eu fico: Nossa como ficou lindo. kkkkkkkkk

O que mais gosta de fazer no scrap ?
No híbrido são: Quadros, estilo porta materniade, eu me sinto muito a vontade fazendo isso, e sem medo, porque eu sei do que estou fazendo. E festa, porque eu também sei o que estou fazendo é como se já estive-se dentro de mim que isso eu posso fazer que vai ficar massa pra caramba, kkkkkkkkk
Qual a ferramenta que mais gosta de usar? Porquê?
Photoshop, não tem jeito porque pro híbrido eu sempre monto na tela o que eu quero e vejo como fica antes de imprimir, ai depois vem a tesoura.

Qual o projeto que mais gostou de criar?
Eu tenho muita coisa que eu gosto, mas acho que pro Armazem o que eu mais gosto foi o porta maternidade que fiz do pequeno principe, pra presentear uma amiga.
Agora o porque ele, porque é bem do que falei logo acima, eu me sinto bem em criar esse tipo de trabalho, porque já tenho ideia pelo photoshop de como vai ficar, já deixo tudo pre montado e consigo vizualisar ele na moldura, ai quando vou colocar a mão na massa e estou fazendo a sobreposição (porque trabalho ele em estilo arte francesa) e vejo cada detalhezinho dele criando vida, superando a simples vizualização que tinha, isso me deixa assim cheia de orgulho, que com certeza se tivesse como ver eu estaria toda radiante toda brilho, a cada detalhezinho que eu colo, eu fico mais e mais e mais, kkkkkkkk.
É ate engraçado. kkkkkkkkk 

Como você se inspira?
Em paginas digi eu observo o kit e deixo que ele me fale: oh vc tá assim hoje, que tal fazer uma pagina clean, com blending (hoje dia da entrevista eu estou assim, pra esse tipo de pagina kkkkkkkk) É quase como: deixa a vida me levar kkkkkkkk, a vida, a musica,o sentimento mesmo.
Já no híbrido pra mim é dificil, eu olho pro kit e ele fala assim: o que vc vai fazer comigo? eu quero ficar bem heim kkkkkkkkkk, como eu sempre tento me superar, tento não ficar sempre com o mesmo tipo de projeto, só cartão, ou só bloquinho, ou só chaveiro, eu sinto como se as pessoas esperassem mais de mim nessa hora, e sinto que tenho que corresponder, então pro híbrido não tem jeito é pesquisa, pesquisa e pesquisa, ate que acontece o estalo, é isso. E se não acontecer eu recorro e faço uma pagina digi, porque no digi pra mim sempre tem o estalo kkkkkkkkk.

Rapidinhas
Um neura -
Não conseguir, aquele sentimento de que tá faltando alguma coisa, odeio isso.

Uma realização -
Superar a espectativa, isso me ilumina.

uma lição-
Dividir o conhecimento, só assim crescemos cada dia mais, porque quem divide seu conhecimento, abre espaço pra adquirir o conhecimento do proximo também. Não chegamos a lugar algum sozinho.
Um medo -
De perder, perder as pessoas que amo, perder o que eu amo fazer, e não poder fazer.uma cor -
Todas \o/ Uma frase-
Não faça com os outros, o que você não gostaria que eles fizessem a você.
uma palavra que a defina - mutante, sempre em mudança em relação a tudo

Vamos nos inspirar em alguns dos trabalhos lindos da Pri? 







Meu blog é: http://vidadescrapper.blogspot.com/

Adorei saber mais sobre você, Pri!

Obrigada pela entrevista.

Até a próxima
Beijos
Cris Oliveira

2 Comentários:

Virgínia Vilela 18 novembro, 2012  

pri, adorei ler sua entrevista, era como se tivesse conversando com vc ao vivo a a cores!!!!!!!! Bjooooooo

Priscila S. R. Camacho 19 novembro, 2012  

Obrigada Vir e Cris, pelo carinho de vcs.

Postar um comentário

Obrigada pelo comentário!
Beijos
Cris Oliveira

Related Posts with Thumbnails

POSTS RECENTES

Últimos Comentários

LINK ME!



Entre em contato !

Name:*
Email:*
Subject:*
Message:*
Verification No.:*
contact form faq

  © ARMAZÉM CRIATIVO - Todos os Direitos Reservados